Voltar para  Home
 
 
573.717
HistoricoAtuaçãoResultadosHomossexualidade
 

Homossexualidade, atração sexual e afetiva por pessoas do mesmo sexo, é um tipo de orientação sexual, assim como a heterossexualidade, atração por pessoas de sexo diferente, ou a bissexualidade, atração sexual e afetiva por pessoas de ambos os sexos. A homossexualidade, assim como a heterossexualidade e bissexualidade, é uma condição natural, isto é, não é escolha, opção, nem doença, e é espontânea, quer dizer, ninguém pode levar outra pessoa a ser homossexual, nem heterossexual ou bissexual. Também é importante saber que a atitude de um pai ou de uma mãe não torna um filho gay, ou uma filha lésbica.

A homossexualidade faz parte da diversidade sexual humana e não é doença física, nem problema psicológico. A APA – Associação Americana de Psiquiatria – retirou a homossexualidade do seu Manual de Diagnóstico e Estatística de Distúrbios Mentais em 1973, com base em estudos que demonstravam que a homossexualidade nada mais é do que uma variação possível de manifestação do desejo sexual. No Brasil, em 1985, o Conselho Federal de Medicina passou a não considerar a homossexualidade uma doença mental ou física. Em 1999, foi publicada uma resolução do Conselho Federal de Psicologia que normatizou a conduta dos psicólogos frente à questão: “... os psicólogos não colaborarão com eventos ou serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades”. O Conselho, vale repetir, entende que a homossexualidade não é uma doença.

Além disso, orientação sexual não tem nada a ver com o caráter da pessoa. O fato de alguém gostar afetivamente ou sexualmente de uma pessoa do mesmo sexo, ou do sexo oposto, não a tornará mais ou menos honesta, mais ou menos responsável. Tanto os heterossexuais, como homossexuais ou bissexuais podem ser corruptos, ladrões, mentirosos, como podem ser honestos, íntegros, éticos e respeitosos.

Amiga, amigo, se você tem um(a) filho(a) homossexual, ou que teme seja homossexual, lembre-se de que ninguém foi preparado(a) para isso e conte conosco!

Transgeneridade / Transexualidade: 

Trata-se de questões de gênero, e não de orientação sexual. Atualmente é a questão com maior procura dentro do GPH.

A palavra gênero se refere à forma que uma pessoa se identifica como “homem” e “mulher”.

Já a homossexualidade é a atração afetiva e sexual entre pessoas do mesmo sexo.

A transgeneridade / transexualidade não depende da homossexualidade.

Atualmente, o GPH também tem atendido muitas pessoas com questões de gênero.

 

 

 

   
Desenvolvido por: StudioAghata Mapa do Site | F.A.Q.